Receba nosso FEED gratuitamente em seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

 

Os Correios de Portugal (CTT) lançaram no último dia 05 de abril, uma séria composta de treze selos dedicados ao patrimônio museológico português, retratando entidades que foram fundadas entre 1772 e 1894 e que estão espalhadas por todo o país.

Segundo lemos no website da autoridade postal emitente:

“O primeiro selo mostra-nos o mais antigo museu português vivo, o atual Museu da Ciência, datado de 1772, herdeiro das primeiras coleções científicas do país. Seis décadas mais tarde, em pleno Cerco do Porto, D. Pedro IV criou o Museu Portuense, hoje Museu Nacional Soares dos Reis, o primeiro museu público de arte, em 1833.
Na década de 50, concretamente em 1851, surgiu o Museu de Artilharia, atual Museu Militar, sediado nas instalações do antigo Arsenal Real do Exército, em Lisboa, atestando a importância da instituição militar num século marcado pelas lutas liberais. Sete anos depois, nasceu o Museu de História Natural de Lisboa, atual MUHNAC. Em 1860, o Museu Geológico de Lisboa reuniu a mais completa coleção geológica do país e em 1864, era fundado o Museu Arqueológico do Carmo, no seio da Associação Real de Arquitetos Civis e Arqueólogos Portugueses, a quem D. Luís cedeu a gestão de um convento mandado erigir no século XIV por Nun’Álvares Pereira para assinalar a vitória de Aljubarrota.

Em torno da História Natural, surgiu em 1880 o Museu Açoriano, hoje Museu Carlos Machado, na Ilha de S. Miguel, nos Açores. Já em 1884, e no seio da Sociedade de Geografia de Lisboa, foi fundado o Museu Histórico e Etnográfico, agora Museu Etnográfico da Sociedade de Geografia de Lisboa. Nesse mesmo ano, e na sequência da Exposição de Arte Ornamental que fizera furor em Lisboa, foi criado o Museu de Belas-Artes e Arqueologia, hoje Museu Nacional de Arte Antiga. Meses mais tarde, corria já 1885 quando a Sociedade Martins Sarmento, abriu as portas do seu Museu Arqueológico. Oito anos depois, em 1893, José Leite de Vasconcellos fundava o seu Museu Etnográfico, atual Museu Nacional de Arqueologia. No ano seguinte, 1894, o país assistia ao nascimento do Museu Arqueológico e Lapidar de Faro, atual Museu Municipal de Faro, guardião de memórias identitárias da cidade algarvia, desde a época romana à contemporaneidade. Ainda nesse ano, era criado o Museu Municipal da Figueira da Foz, agora Museu Municipal Santos Rocha, vocacionado para o estudo dos diversos ramos das ciências humanas.” (in http://www.ctt.pt/ctt-e-investidores/comunicacao-e-patrocinios/media/noticias/museus-centenarios-de-portugal-em-selos-dos-ctt)

Os treze selos com tiragem de 100.000 exemplares cada e valor facial de N20g., emitidos para fazer frente ao correio nacional, são frutos do trabalho de designer da AF Atelier e impressão a cargo dos Correios da Bélgica – Bpost Philately & Stamps Printing. Em cada selo podemos ver uma imagem de uma das salas de exposição, bem  como, uma das peças mais representativas do acervo do museu retratado. Todos os selos são resultado de um trabalho fotográfico que ficou a cargo de Manuel Aguiar, com exceção do Museu Etnográfico da Sociedade de Geografia de Lisboa cuja fotografia foi produzida pelas lentes de Carlos Ladeira.

(Envelope de Primeiro Dia – FDC)

Os Museus Centenários representados na série são:
✅ o Museu da Ciência da Universidade de Coimbra;
✅ o Museu Nacional Soares dos Reis do Porto;
✅ o Museu Militar de Lisboa;
✅ o Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa;
✅ o Museu Geológico de Lisboa;
✅ o Museu Arqueológico do Carmo de Lisboa;
✅ o Museu Carlos Machado de Ponta Delgada;
✅ o Museu Etnográfico da Sociedade de Geografia de Lisboa,
✅ o Museu Nacional de Arte Antiga de Lisboa;
✅ o Museu Arqueológico da Sociedade Martins Sarmento de Guimarães;
✅ o Museu Nacional de Arqueologia de Lisboa;
✅ o Museu Municipal Santos Rocha de Figueira da Foz e
✅ o Museu Municipal de Faro.

Conhecendo o autor:
Mantenedor do Portal do Filatelista Temático
CARLOS DALMIRO SILVA SOARES é atuante filatelista temático (hobby que desenvolve desde a infância), jornalista filatélico, jurado FEBRAF, palestrante filatélico, bem como, coordenador da comissão para juventude da Federação Brasileira de Filatelia (FEBRAF), representando o país nas correlatas existentes na FIAF e na FIP. Coleciona os seguintes temas: petróleo, energia nuclear, terremoto, Lenim, Centauros e Orixás.

All rights reserved.

In case of using any material, a reference to "Topical Philately" is mandatory!

The stamp designs themselves are properties of the respective countries' postal agencies, as well as, all other trademarks and copyrights on this page are property of their respective owners.

Topical Philately é uma página não comercial e não oficial de divulgação da Filatelia Temática. É uma página aberta à filatelia no mundo. Este espaço também é seu. Colabore.


Topical Philately is a non commercial and non official home page to publish the Topical Philately. It is an international home page opened to the philately. This coin is also yours. We expect your collaboration.


Topical Philately est une page non commerciale et non officielle pour montrer la philatélie thématique. Elle est aussi une page ouverte à la philatélie internationale. Cet espace est aussi à vous. Nous attendons votre collaboration.

(c) Home page da Topical Philately – Divulgado na Rede a partir 01/VIII/2008.

(c) Petroleum: The Black Gold – Divulgado na Rede a partir 05/X/1996

(c) Nuclear Energy – Divulgado na Rede a partir 05/X/2007

(c) Earthquake – Divulgado na Rede a partir 21/IX/2009

(c) For Teacher  – Divulgado na Rede a partir 04/I/2011

(c) Bee – Divulgado na Rede a partir 22/IV/2012

(c) Lenin – Divulgado na Rede a partir 06/VI/2012

(c) Centauro – Divulgado na Rede a partir 17/IV/2013

(c) Filatelia Juvenil – Divulgado na Rede a partir 21/II/2014

(c) Matriusca – Divulgado na Rede a partir 08/IX/2015

Jan 1, 1970
>> Leia mais no Portal do Filatelista Temático <<
Jan 1, 1970
>> Leia mais no Portal do Filatelista Temático <<
Jan 1, 1970
>> Leia mais no Portal do Filatelista Temático <<
×
Mantenedor do Portal do Filatelista Temático
CARLOS DALMIRO SILVA SOARES é atuante filatelista temático (hobby que desenvolve desde a infância), jornalista filatélico, jurado FEBRAF, palestrante filatélico, bem como, coordenador da comissão para juventude da Federação Brasileira de Filatelia (FEBRAF), representando o país nas correlatas existentes na FIAF e na FIP. Coleciona os seguintes temas: petróleo, energia nuclear, terremoto, Lenim, Centauros e Orixás.

Esse artigo foi útil?

Obrigado Seu feedback ajuda-nos a melhor os serviços do Portal do Filatelista Temático!